Posts mais engajados sobre Consciência Negra resgatam fatos históricos

Social Analytics

1600 visualizações

Posts mais engajados sobre Consciência Negra resgatam fatos históricos

Os três posts com a hashtag #ConsciênciaNegra que mais geraram engajamento no Facebook são artigos que explicam a importância histórica do tema, segundo dados do Buzzmonitor Trends, ferramenta de busca histórica de termos em redes sociais. A hashtag teve um aumento de menções na primeira semana de novembro, em comparação com as semanas anteriores.

Entre os seis Top Posts de Facebook, os três primeiros têm caráter educativo e histórico. O post que mais gerou engajamento fala da escritora negra Carolina Maria de Jesus, enquanto os outros dois explicam a origem da celebração. As três publicações somam 897 interações.

 

 

O principal post foi feito pelo Nexo, como parte de uma série de artigos especiais sobre mulheres negras que marcaram a história do Brasil. A página está divulgando um novo artigo toda quarta-feira, durante o mês de novembro.

Os outros dois posts que mais engajaram são da Geledés - Instituto da Mulher Negra, página da organização que luta em defesa de mulheres e negros, entre outras causas. As publicações divulgam dois artigos sobre a história e importância do Dia da Consciência Negra.

A hashtag #ConsciênciaNegra teve 1.925 menções na primeira semana de Novembro, um aumento de 360,52% em relação à última semana de Outubro (418 posts):

 

 

Já no Twitter, Ale Santos (com 97 mil seguidores) e Gabi Oliveira (com 62 mil seguidores) foram os principais influenciadores que compartilharam a hashtag #ConsciênciaNegra:

 

Gabi Oliveira é ativista e comunicadora social e conta com mais de 450 mil inscritos em seu canal do YouTube. A influenciadora usa as redes sociais para falar sobre estética negra e relações raciais. Já Ale Santos é jornalista e autor do livro Rastros de Resistência, no qual fala sobre personagens históricos negros.

O Twitter (52,68%) teve uma parcela um pouco maior que o Instagram (46,01%) em menções à hashtag:

 

Use hoje mesmo o Buzzmonitor Trends!

Solicite um consultor

Comentários

Deixe um comentário