5 dicas para uma gestão profissional do relacionamento com Influenciadores

Influencers

1044 visualizações

5 dicas para uma gestão profissional do relacionamento com Influenciadores

Trabalhar com micro influenciadores é um desejo de muitas empresas possuem, mas é preciso pensar estrategicamente como fazer esta gestão. Selecionamos 5 dicas importantes para fazer a gestão da relação da sua marca com os influenciadores.  

 

1. Defina quem você procura

Para que a busca seja mais fácil é importante você definir um perfil de influenciador. Quanto mais preciso você for, melhor. O mais importante é saber:

  • Tipo de interesse do seu influenciador: do que ele(a) fala? Defina uma lista de termos ou hashtags para facilitar a busca. É importante que estes termos tenham relação com a) o que o influenciador é (como ele se define). Ex.:Vegano ou b) do que ele costuma falar nas redes sociais: #vidasemcarne, “comida vegetariana”.
  • Localização: onde vive esta pessoa?
  • Influência: qual seu número de seguidores? Aqui é preciso verificar se são seguidores reais, se se engajam com o influenciador, mas é preciso partir de um número base. Lembrando que os influenciadores com mais seguidores costumam cobrar por publicações, enquanto os micro influenciadores, por terem menor demanda, podem simpatizar com sua marca e falar dela espontaneamente. Micro influenciadores (até 1 mil seguidores) costumam também gerar um engajamento de quase 6 vezes o de influenciadores com mais de 100 mil seguidores, segundo a consultoria Takumi.

 

No exemplo, selecionamos a localização "São Paulo" no Instagram e definimos que os posts devem ter pelo menos 100 comentários e no mínimo 1.000 curtidas. 

 

Dica: se você é cliente do Buzzmonitor, nosso time de atendimento faz esta busca para você e sobe para sua conta a lista de influenciadores encontrados dentro do perfil solicitado.

 

2. Defina como vai encontrar estes influenciadores e use dados para achá-los

Com a definição de termos que sintetizam o perfil de quem você busca,  fica fácil encontrar os influenciadores. Fuja das listas viciadas que circulam na internet. Há dois locais que você pode monitorar para achá-los:

  • Timeline: buscando sobre o que eles falam. Neste caso use sua plataforma de monitoramento para monitorar temas. Por exemplo: monitorando o tema “churrasco” é possível encontrar influenciadores como o Luiz Fiori: https://www.instagram.com/luiz.fiori/

 

  • Bio: a bio é o espaço onde os usuários de redes sociais se definem. No Buzzmonitor é possível monitorar bios no Twitter e YouTube.

 

No exemplo, selecionamos a rede social Twitter, escrevemos “Churrasco” e “Churrascaria” em bio para localizar bios com esse termo, escrevemos “São Paulo” na localização para encontrar influenciadores de São Paulo e determinamos a quantidade de seguidores.

 

3. Escolha as plataformas de social media que irá trabalhar

Escolher o influenciador certo implica também definir a plataforma de social media correta, pois há influenciadores mais populares no YouTube e há ainda influenciadores que operam unicamente no Instagram.

Além disso, há redes mais propensas a alguns tipos de influenciadores: enquanto os jornalistas preferem o Twitter, influenciadores de maquiagem usam bastante o Instagram e YouTube.

Dica: com a busca de bio é possível também achar influenciadores de outras redes como Snapchat e até mesmo de aplicativos como Tinder.

 

Para isso, basta colocar na bio o termo do nome das outras redes sociais onde você deseja encontrar os influenciadores. Normalmente, os influenciadores escrevem em suas bios todas as suas redes sociais para que seus seguidores possam acompanhá-los em todas.

 

4. Monitore a timeline dos influenciadores e crie alertas de oportunidade

Depois de definir quem são os influenciadores, o próximo passo é monitorar a timeline de cada um deles. Com ferramentas como Buzzmonitor é possível fazer este monitoramento: sobre o que eles falam? Quais são seus interesses? Quais termos são mais mencionados em suas publicações?

Outra vantagem de monitorar a timeline é poder criar alertas de oportunidade. Por exemplo, se você é uma marca de refrigerantes e o influenciador que você monitora tem sede, isso pode gerar um alerta de oportunidade que irá avisá-lo por e-mail assim que o influenciador publicar a palavra “sede” na timeline.

 

Com os Triggers é possível personalizar um alerta exatamente de acordo com sua demanda. No caso, selecionamos as palavras “sede”, “beber” e “refrigerante” para que o analista sempre esteja a par das publicações que possam gerar uma oportunidade de ação com o influenciador.

Isso são os “ganchos” que oferecem a oportunidade certa no timing perfeito para marcas criarem uma parceria com influenciadores.

 

5. Armazene o histórico do seu relacionamento com os influenciadores escolhidos

Para fazer a gestão de influenciadores de maneira profissional, uma das principais vantagens em usar uma ferramenta profissional de social media é poder ter um histórico das interações realizadas com os influenciadores.

Se falei com o influenciador em janeiro e volto a falar com ele em abril, é interessante saber o teor da nossa última conversa.

 

Com o Buzzmonitor, através do módulo de SAC 2.0, é possível armazenar todo o author history das conversas que uma marca tem com seus influenciadores.

 

Baixe nosso eBook gratuito!

O Buzzmonitor também tem um eBook gratuito completo com dicas e insights para criar campanhas de sucesso com influenciadores digitais. Baixe agora mesmo aqui.

Preparado para iniciar uma parceria de sucesso com influenciadores e assim impulsionar sua marca para o público certo?

 

Comece uma campanha com Influenciadores com o Buzzmonitor

USE GRÁTIS O BUZZMONITOR

Comentários

Deixe um comentário